Isomeria

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Exemplo de molécula que apresenta isomeria.

Cquote1.png Você quis dizer: Jogo dos 7 erros? Cquote2.png
Google sobre Isomeria
Cquote1.png O que é isso? Cquote2.png
Pessoa que chegou aqui através da pagina aleatória sobre Iso... Como se diz mesmo?
Cquote1.png Mas não é tudo a mesma merda! Cquote2.png
Você sobre isomeria.
Cquote1.png Tomem cuidado, pois os detalhes são pequenos! Cquote2.png
Professor de Química sobre prova de isomeria.
Cquote1.png E que diferença isso faz? Cquote2.png
Aluno do Ensino Médio sobre isomeria.

A Isomeria, termo proveniente do grego iso (mesma) e méria (merda), trata-se da parte da Química Orgânica onde as moléculas podem ter mesmo número de átomos, mas se agarram ligam de forma diferente, produzindo dois compostos diferentes com a mesma fórmula molecular (O RLY?). Essas diferenças entre os átomos podem ocorrer na estrutura plana ou na estrutura espacial, isso apenas para te confundir.


Isomeria plana[editar]

Tipo de isomeria onde não é preciso desenhar a molécula para poder saber onde está a diferença que vai te ferrar. Se dividem em várias partes (várias mesmo) Como aprender isomeria: perceba que os pontos cu+penis=merda logo 1+1 sera 2 e sua mae ira na zona.Perceba tambem que os incubicos da vagina se alinharam com o penis e assim fazeram um baby(para os burro quer nao sabem:bebê).Em varios paises tem a necessidade de fazer merda atras de merda como por exemplo cria esse site pra eu aki em plena o trabalho da escola no pc em vez de fazer a pica do trabalho estou editando aki essa bosta.E assim o brasil caminha e vai fudendo a bosta cada vez mais seus porras fdps.

Isomeria de cadeia[editar]

Isso náo é um caso de isomeria, mas representa algo muito mais interessante.

Muito conhecida no universo penal, a isomeria de cadeia é um grande problema no Brasil. Embora possuam igual fórmula molecular e igual função química, o problema está na cadeia (O RLY?). Provavelmente um carbono saiu da cela posição inicial e foi para outra, o que muda o nome da molécula completamente.

Exemplo: Bucetano e metino-propano;

Isomeria de posição[editar]

Tipo de isomeria onde os átomos das moléculas trocam de posição sexual, pois querem experimentar sensações novas. Embora isso não tenha importância nenhuma, seu professor vai fazer uma prova cheia desses pega-ratões e você vai cair em quase todos (ou todos).

Exemplo: 1-buteno e 2-buteno;

Metameria ou isomeria de compensação[editar]

Talvez ela possa te ajudar com essa matéria.

É uma posição um caso especial de isomeria de posição que só ocorre em cadeias heterossexuais heterogêneas, onde o que importa é o heteroátomo, que, mudando de posição, muda toda a molécula (ou pelo menos o nome da molécula). As funções que apresentam essa anomalia isomeria são os éteres, os ésteres e as minas aminas secundárias e terciárias (ou não).

Exemplos: metinamina e 2-metinamina;

Isomeria de função[editar]

Isomeria que une compostos que não tem absolutamente nada a ver um com o outro, a isomeira funcional só serve para dizer que duas moléculas tem algo a ver porque tem a mesma massa molecular. Dentre as inúmeras funções da Química Orgânica, esta isomeria acontece com as duplas sertanejas funções álcool e éter, ácido carboxílico e éster, aldeído e cetona e álcool aromático, éter aromático e fenol (WTF?).

Exemplos: etanol e metóxi-nocano, metanal e meta-mona;

Tautomeria[editar]

Outro caso especial, esse de isomeria funcional, onde os isômeros estão em equilíbrio dinâmico (ou seja, reagindo e desreagindo). Apenas se sabe que isso acontece entre enóis e cetonas e enóis e aldeídos, de forma que é mais raro que o mico azul.

Exemplos: etenol e etanona, propenal e propanal;

Isomeria espacial[editar]

Esse composto não apresenta isomeria geométrica (e nem outra porra nenhuma).

Tipo de isomeria onde você tem de ter noções de geometria molecular e saber desenhar a molécula inteira para poder resolver os exercícios. Divide-se em:

Isomeria Geométrica ou Cis-Trans[editar]

Obteve grande (má) fama quando a história dos ácidos graxos insaturados trans que fazem mal ao coração vieram à tona. Esta isomeria apenas ocorre em moléculas onde há dupla ligação entre carbonos e pelo menos dois ligantes desses carbonos sejam diferentes (Nota: ligante é o resto da molécula que está metendo uma vez no carbono).

No isômero Cis, os dois ligantes mais complexos (entenda-se mais complexos como mais pesados) estão do mesmo lado, logo participam de uma panelinha tem propriedades diferentes do isômero trans (Ui!!!). O isômero trans, preferido do jogador Ronalducho Fofômeno, possui os dois ligantes mais complexos em lados diferentes, mostrando que há diferenças sutis na molécula. Esse novo isômero possui propriedades físicas diferentes do Cis.

Exemplo: Cis-2-buteno e Trans-2-buteno;

Em cadeias fechadas, não é preciso ter os átomos a liga dupla, bastando que existam os ligantes diferentes, do contrário, a isomeria não aparece nem fodendo.

Exemplo: Cis-1,2-dimetilciclopropano e Trans-1,2-dimetilciclopropano;

Isomeria óptica[editar]

Conceitos básicos:

  • Luz natural: luz que vibra em todos os planos, sentidos e dimensões possíveis;
  • Luz polarizada: luz que vibra em apenas um plano. Para mais informações, veja a capa do álbum Dark Side of the Moon, do Pink Floyd;
  • Substância opticamente ativa: substãncia capaz de desviar o plano da luz (polarizada) à esquerda ou à direita. Se desviar para a esquerda, será chamada de levógira, desviando para a direita, é chamada de dextrógira. A mistura do dextrógio e levógiro em partes iguais dá na mistura racêmica, que não desvia o plano da luz. Isso será muito útil para o seu professor fazer mais um pega-ratão na prova para você cair.
  • Assimetria molecular: ocorre com o famigerado carbono assimétrico (chamado pelos químicos de carbono quiral). Esse carbono apenas existe quando os quatro ligantes que metem nele forem diferentes.
Polarizando a luz natural.

Havendo assimetria molecular (carbono quiral) ou não, há isomeria óptica (O RLY?), podendo haver inúmeros carbonos quirais numa mesma molécula. Isso pede a criação de uma fórmula apenas para calcular isso:

IOA = 2^{n}\,
IOI = 2^{n-1}\,

Onde:

  • IOA: total de isômeros opticamente ativos;
  • IOI: total de misturas racêmicas;
  • n = número de carbonos assimétricos (ou não) numa molécula;

Ver também[editar]

Ethene.png
Química orgânica
v d e h

Funções orgânicas :- Ácido carboxílico - Ácido sulfônico - Álcool - Aldeído - Amina - Amida - Cetona - Éster - Éter - Fenol - Haleto - Hidrocarboneto · Nitrila - Nitrocomposto - Tiol

Grupos funcionais :- Hidroxila (·OH) - Carbonila (:CO) - Carboxila (·COOH) - Nitrogênio (·N:) - Oxigênio (O:) - Grupo ciano (·CN) - Grupo nitro (·NO2)

Teoria desnecessária que você tem que aprender :- Tetravalência do carbono - Ligação covalente - Forças intermoleculares - Postulados de Kekulé - Isomeria - Ressonância - Ácido-Base de Lewis